TRABALHOS DE FINAL DE CURSO FORMANDOS 2017

Olá, convidamos você a apreciar esta publicação dedicada inteiramente aos nossos alunos. Aqui estão os trabalhos finais em forma de artigo, da Formação em Psicologia Corporal, apresentados para banca examinadora em janeiro de 2018.

Os trabalhos tiveram orientação e revisão de Susana Zaniolo Scotton bem como apontamentos da banca. Entretanto, o resultado final é de responsabilidade de cada autor.

Para nós, foi uma grande honra participar de cada elaboração de nossos alunos.

AS RAÍZES E AS SEMENTES: REFLEXÕES PARA ALÉM DO NASCIMENTO

CABRAL, Flávia Ferreira
SCOTTON, Susana Zaniolo (Orientação)

RESUMO

O processo de gravidez, parto e pós parto envolve muitas transformações a nível biológico, emocional, psíquico, social e energético na vida de uma mãe/casal, tendo influência significativa na vinculação pai-mãe-bebê e no desenvolvimento emocional do bebê. O nascimento é um evento permeado de mistério, suspense, magnitude, alegrias, medos, dores e ele é algo irreversível, ou seja, um grande e delicado momento para a vida de uma família. Tendo em vistas as constantes mudanças culturais, ambientais e assistenciais em torno do nascimento, percebe-se que o número de problemas e dificuldades no ciclo gravídico puerperal tem aumentado significadamente. O presente artigo tem como finalidade discorrer sobre a importância da prevenção emocional do “casal grávido” e do futuro bebê, tendo base estudos da Psicologia Corporal e suas contribuições para a atuação da psicoterapia corporal unida à pratica da doulagem.

Palavras-chave: útero; nascimento; recepção do recém-nascido; prevenção couraças; energia vital; hormônios amor; vínculo mãe-bebê; casal; preparação maternidade e paternidade.

Para ler o artigo, clique em: file:///C:/Users/Raiz/Documents/Modelos%20Personalizados%20do%20Office/RAIZ_BACKUP%20FABIANA/fabiana/INSTITUTO%20RAIZ_profissional/AULAS%202017/Artigos%202017/A

A ALIANÇA ENTRE O PRAZER E A RESPONSABILIDADE

SCHWEIZER, Gabriela

Orientação: Susana Zaniolo SCOTTON

RESUMO
Este trabalho propõe uma abordagem sobre dois sistemas bem diferentes, mas que mapeiam de maneira complementar a personalidade humana. Falarei sobre a Aliança entre Wilhelm Reich e Richard Unger. Mais especificamente: O Traço de caráter masoquista descrito por Wilhelm Reich e as digitais de Richard Unger, Instituto Internacional de Handanalysis (IIHA, USA). E a aliança entre si.

Palavras-chave: libido; pulsão; carga; sofrimento; masoquista; prazer; Wilhelm Reich; mãos; digitais; mapa da personalidade; Richard Unger

Para ler o artigo, clique em:fC:\Users\Raiz\Documents\Modelos Personalizados do Office\RAIZ_BACKUP FABIANA\fabiana\INSTITUTO RAIZ_profissional\AULAS 2017\Artigos 2017\ARTIGOS REVISTOS 2 – EDIÇÃO\Gabi_páginas artigo raiz internet.pdf

ESTASE LIBIDINAL

ZAMAI, Glaucia Fernanda

Orientação: Susana Zaniolo SCOTTON

RESUMO
Inspirado nestes três anos de estudo do curso de Psicologia Corporal Reichiana, este trabalho procura descrever e analisar o conceito de estase libidinal sob a óptica de Freud e Reich. Numa tentativa de atentar e ampliar o olhar do leitor para suas próprias estases, para “aquilo” que faz com que sua energia fique parada. Discorrerei levando a uma reflexão mais interna de nós mesmos, permitindo nos percebermos por meio de sinais que o corpo e a mente nos mostram, através deste diálogo das ideias de conflito inevitável (Freud) e de possibilidade de harmonia (Reich).

PALAVRAS CHAVES: libido; estase; sexualidade; psicologia; Reich.

Para ler o artigo, clique em: file:///C:/Users/Raiz/Documents/Modelos%20Personalizados%20do%20Office/RAIZ_BACKUP%20FABIANA/fabiana/INSTITUTO%20RAIZ_profissional/AULAS%202017/Artigos%202017/ARTIGOS%20REVISTOS%202%20-%20EDI%C3%87%C3%83O/Glaucia_Seguro.pdf

DESFAZENDO A PESTE EMOCIONAL NO TRABALHO

FUCCI, Ivan Roberto Orientação: Susana Zaniolo  SCOTTON

RESUMO

O objetivo deste artigo é tecer considerações e reflexões a respeito da Peste Emocional, comumente instalada na rotina de trabalho e como propor uma pontualidade no desfazer dessa doença entre os grupos e departamentos da Empresa. Por tratar-se de um relato de experiências vividas no dia a dia da Panificadora Pão da Terra, o artigo mostra os resultados dessa iniciativa para a resolução de conflitos em grupos de colaboradores e o quanto essa proposta vem possibilitando a prevenção e cura da Peste Emocional no Trabalho. Para atingir a finalidade do artigo, recorro ao conceito de carácter, a partir da formulação de Wilhelm Reich, e outros pesquisadores da Psicologia Corporal que tenham por objetivo tratar a questão com pontualidade e retomar o movimento do indivíduo e campo emocional e, contudo,  experiências desses últimos anos, principalmente, com maior clareza e resultados,  o ano de 2017.

PALAVRAS-CHAVE: Peste Emocional; trabalho; padaria; algoz; inveja; poder.

Para ler o artigo, clique em: file:///C:/Users/Raiz/Documents/Modelos%20Personalizados%20do%20Office/RAIZ_BACKUP%20FABIANA/fabiana/INSTITUTO%20RAIZ_profissional/AULAS%202017/Artigos%202017/ARTIGOS%20REVISTOS%202%20-%20EDI%C3%87%C3%83O/IVAN%202018%20Seguro.pdf

O PROCESSO DE DESATERRAMENTO DO AGRICULTOR FAMILIAR NO BRASIL 

Jader José de OLIVEIRA

Orientação: Susana Zaniolo SCOTTON

RESUMO
Este artigo trata do processo de “desaterramento” do agricultor familiar no Brasil, o qual ocorre na esteira das estratégias adotadas pelas grandes empresas, pelos bancos e pelas ações de governo para transformá-lo num cliente “moderno”, consumidor tanto dos produtos e serviços bancários e comerciais, como de bens e insumos, máquinas, equipamentos, defensivos, fertilizantes, sementes. Esse processo, histórico e inerente ao desenvolvimento do capitalismo, tende a distanciar o agricultor familiar das suas raízes, da sua relação com a terra e com a comunidade, das suas tradições e saberes, dos seus hábitos e valores. De outro lado, o arrastam para o interior de arranjos comerciais e bancários para alavancar o consumo de bens “modernos” e “desfrutar” dos “benefícios” avanços tecnológicos, sem cuidar do vazio existencial e dos traumas psicológicos que permanecem e se agravam num cenário de concorrência intensa e permanente. As conclusões apontam a necessidade de novos estudos e o desenvolvimento de políticas em apoio à preservação das tradições culturais, dos espaços e dos povos que ainda preservam a energização plena da vida na relação com a natureza.

Palavras-chave: agricultor familiar, bens de consumo, agronegócios, capitalismo.

Para ler o arquivo, clique em: file:///C:/Users/Raiz/Documents/Modelos%20Personalizados%20do%20Office/RAIZ_BACKUP%20FABIANA/fabiana/INSTITUTO%20RAIZ_profissional/AULAS%202017/Artigos%202017/ARTIGOS%20REVISTOS%202%20-%20EDI%C3%87%C3%83O/Jader_Seguro.pdf

A ENERGIA COMO FONTE DE VIDA

Liriam Mara Noguti

Orientação: Susana Zaniolo  SCOTTON

RESUMO
Orgone, chi, ki, élan vital e prana são alguns dos diversos nomes dados ao mesmo elemento primordial: a energia que origina, constitui e proporciona a vida. E como tudo que é vivo, pulsa… a existência (ou não) de saúde física e psíquica será determinada pela pulsação dessa energia e, por conseguinte, pela qualidade da circulação energética em cada ser. Partindo dessa premissa, verifica-se que muitas concepções de Reich estão intimamente ligadas a conceitos presentes na Medicina Tradicional Chinesa, no Tao Te Ching e no Hinduísmo, notadamente no que concerne à filosofia do Tantra e às práticas de Yoga e Meditação. Ao identificar os principais pontos convergentes entre Reich e os saberes supracitados, este estudo pretende apontar as mais frequentes causas da estase energética e, principalmente, algumas formas simples, naturais e prazerosas para vencê-la.

Palavras-chave: Orgone; chi; ki; élan vital; prana; estase energética; yoga; meditação; potência orgástica.

Para ler o arquivo, clique em: file:///C:/Users/Raiz/Documents/Modelos%20Personalizados%20do%20Office/RAIZ_BACKUP%20FABIANA/fabiana/INSTITUTO%20RAIZ_profissional/AULAS%202017/Artigos%202017/ARTIGOS%20REVISTOS%202%20-%20EDI%C3%87%C3%83O/Liriam_Seguro.pdf

O MOVIMENTO DA VIDA: UMA VISÃO INTEGRADA ENTRE A BIIOLOGIA E A PSICANÁLISE

CAMARGO, Luiza Figueiredo

Orientação: Susana Zaniolo SCOTTON

RESUMO
Este trabalho tem como tema o entendimento acerca da energia de vida Biopsiquica, buscando definir os conceitos sobre energia nas áreas da Psicanálise e da Biologia, para então, mostrar ao leitor que apesar das diferenças conceituais, trata-se de um mesmo aspecto. A partir desse conhecimento, busca-se pontuar a importância da integração entre Psiquê e Soma para que a potência de vida do organismo possa se expressar com mais qualidade e motilidade.

PALAVRAS CHAVES: Orgon, adenosina trifosfato, libido, pulsão de vida, autopoiese.

Para ler, clique em: file:///C:/Users/Raiz/Documents/Modelos%20Personalizados%20do%20Office/RAIZ_BACKUP%20FABIANA/fabiana/INSTITUTO%20RAIZ_profissional/AULAS%202017/Artigos%202017/ARTIGOS%20REVISTOS%202%20-%20EDI%C3%87%C3%83O/Luiza_Seguro.pdf

O USO DA VEGETOTERAPIA DE REICH PARA ENRIQUECER A PRÁTICA DO PILATES

Maria Luiza Pereira ALENCAR

Orientação: Susana Zaniolo  SCOTTON

RESUMO
Este artigo traz como tema o método Pilates, por meio de uma revisão sobre as couraças musculares e psíquicas, diagnosticadas no corpo humano por Reich, através de exercícios da Vegetoterapia que trabalha visando o desencoraçamento com suas particularidades, visa comprovar possíveis contribuições e integrações existentes com a prática do pilates, tanto teóricas quanto práticas. Compreendemos que com um olhar mais cuidadoso, proporcionado pela Psicologia Corporal, podemos auxiliar o aluno a ter um encontro mais profundo consigo mesmo, reconhecendo-se e se encontrando, apropriando-se de seu corpo e se responsabilizando por seus desejos, sentimentos e escolhas, para vivenciar uma vida com mais alegria, prazer e pulsão.

PALAVRAS-CHAVE: Vegetoterapia; Couraça Muscular; Pilates; Psicologia Corporal.

Para ler, clique em: file:///C:/Users/Raiz/Documents/Modelos%20Personalizados%20do%20Office/RAIZ_BACKUP%20FABIANA/fabiana/INSTITUTO%20RAIZ_profissional/AULAS%202017/Artigos%202017/ARTIGOS%20REVISTOS%202%20-%20EDI%C3%87%C3%83O/Malu_Seguro.pdf

O FUNCIONAMENTO ENCOURAÇADO DOS PROFESSORES E AS IMPLCIAÇÕES NA ESCOLA

Paula Taís RIGOLON

Orientação: Susana Zaniolo  SCOTTON

RESUMO
Este trabalho faz uso da abordagem reichiana, especificamente dos conceitos de couraça e peste emocional, para compreender questões profundas da escola e dos professores.  Compreende-se a couraça nos professores como algo com função predominantemente defensiva. Algo que protege das pulsões que sobrecarregam o Ego e, ao mesmo tempo, o aprisiona, impedindo uma mobilidade saudável e orgânica.  Na escola, esta couraça está ligada à resistência ao novo e à rigidez que faz com que a escola permaneça com características similares à escola de séculos atrás. E também tem como consequência reforçar o encouraçamento dos alunos.   Com o objetivo de compreender melhor esse encouraçamento na escola, neste trabalho é realizada uma relação entre a teoria reichiana e a prática escolar, através de observações realizadas em minha atuação como estagiária e psicóloga escolar em duas escolas (sendo uma pública e outra participar).   Para além de uma simples análise do funcionamento encouraçado da escola, propõese algumas possibilidades de atuação neste contexto, pensando tanto em diagnóstico quanto em ação.  Conclui-se este trabalho com um otimismo renovado e uma certeza ainda maior da importância da teoria reichiana para a Educação.

PALAVRAS-CHAVE: Escola; Couraça; Peste emocional; Professores; Resistência; Reich.

Para ler o artigo, clique em: file:///C:/Users/Raiz/Documents/Modelos%20Personalizados%20do%20Office/RAIZ_BACKUP%20FABIANA/fabiana/INSTITUTO%20RAIZ_profissional/AULAS%202017/Artigos%202017/ARTIGOS%20REVISTOS%202%20-%20EDI%C3%87%C3%83O/Paula_1p%C3%A1ginas%20artigo%20raiz%20internet.pdf

O CAMINHO DA INTEGRAÇÃO BIOPSQUICO CORPORAL NO TREINAMENTO NEUROMUSCULAR

Raquel de ANDRADE

Orientação: Susana Zaniolo  SCOTTON

RESUMO
O objetivo deste trabalho é mostrar as diversas possibilidades que a Psicologia Corporal – especificamente a Bioenergética desenvolvida por Alexander Lowen – traz para a integração do corpo, da mente e do espírito, dentro de um programa neuromuscular. Apresento considerações sobre a minha atuação profissional, demonstrando e utilizando ferramentas da Terapia Corporal que possam integrar organicamente o sistema neuromuscular e o biopsiquismo corporal. Busco, assim, fortalecer a prática, trazendo maior fluidez na motilidade, sem perder de vista os objetivos do programa de exercício, os desejos do cliente e a realidade de transformação que esse corpo possui. Do ponto de vista da prática, objetiva-se também identificar algumas características dos anéis reichianos – a hipotonia ou a hipertonia – e as possibilidades de fortalecimento ou criação de espaço para a região correspondente. Neste trabalho, não há necessidade de identificar bloqueio ou cisões e nem definir caráter.

PALAVRAS-CHAVE: neuromuscular; bioenergética; integração; biopsiquismo.

Para ler, clique em: file:///C:/Users/Raiz/Documents/Modelos%20Personalizados%20do%20Office/RAIZ_BACKUP%20FABIANA/fabiana/INSTITUTO%20RAIZ_profissional/AULAS%202017/Artigos%202017/ARTIGOS%20REVISTOS%202%20-%20EDI%C3%87%C3%83O/Raquel_Seguro.pdf

 

Recent Posts

Leave a Comment

Start typing and press Enter to search

size_960_16_9_escher-3Freud